sábado, 31 de dezembro de 2011

Leituras de 2011



Posso dizer que 2011 foi um bom ano para mim, sem sombra de dúvida muito melhor que o pesadelo que vivi em 2010... E como sempre faço aqui vai um rápido balanço das leituras do ano.
Apesar de ter lido bastante, não li tanto quanto gostaria. Tinha estipulado como meta para mim 50 livros e só sonsegui ler 39, por diversos motivos que me impediram de dedicar o tempo que gostaria a leitura.
Abaixo a lista completa e o meu Top 5 2011, além de algumas expectativas para 2012.


Livros lidos em 2011


1. A guerra dos tronos – George R.R. Martin
2. A pirâmide vermelha – Rick Riordan
3. Alice no país das maravilhas – Lewis Carol
4. As aventuras de Tom Bombadil – J.R.R. Tolkien
5. Os sofrimentos do jovem Werther – J.W. Goethe
6. A canção da espada – Bernard Cornwell
7. Como quebrar a maldição de um dragão – Cressida Cowell
8. Terra em chamas – Bernard Cornwell
9. A vida, o universo e tudo mais- Douglas Adams
10. A bússola de ouro – Phillip Pullman
11. A metamorfose  - Franz Kafka
12. Kandinsky – Hajo Düchting
13. Bando de Pardais – Takashi Matsuoka
14. Trono de Jade – Naomi Novik
15. As cartas de Tolkien – J.R.R. Tolkien
16. A fúria dos reis - George R.R. Martin
17. Como mudar uma história de dragão - Cressida Cowell
18. O doador – Lois Lowry
19. Água para elefantes – Sara Gruen
20. O ladrão de arte – Noah Charney
21. Os dias do cervo – Liliana Bodoc
22. O menino do pijama listrado – John Boyne
23. O grande Gatsby – F. Scott Fitzgerald
24. A princesa leal – Philippa Gregory
25. Guerra da pólvora negra - Naomi Novik
26. Tequila vermelha - Rick Riordan
27. O lobo das planícies – Conn Iggulden
28. Como me tornei estúpido – Martin Page
29. As formigas – Bernard Weber
30. Guia do herói para vencer dragões mortais- Cressida Cowell
31. Os senhores do arco - Conn Iggulden
32. O herói perdido - Rick Riordan
33. A mulher do viajante no tempo – Audrey Niffenegger
34. Coração de tinta – Cornelia Funke
35. O piso-rouxinol – Lian Hearn
36. Os pilares da terra (vol. 1) – Ken Follet
37. A mecânica do coração – Mathias malzieu
38. O cavaleiro inexistente – Ítalo Calvino
39. O carteiro e o poeta – Antonio Skármeta



Top 5 de 2011 (não necessariamente nesta ordem)


O lobo das planícies – Conn Iggulden
Como me tornei estúpido – Martin Page
As cartas de Tolkien – J.R.R. Tolkien
Os dias do cervo – Liliana Bodoc
Bando de Pardais – Takashi Matsuoka


Para 2012:


Vou estabelecer uma meta bem realista, já que pevejo um ano bastante atribulado (trabalho, vou começar uma nova faculdade e não sei quanto tempo vou ter disponível). Acho que 36 livros é um bom número (média de 3 livros por mês). Se bem que essa questão de números seja bem relativa pois alguns livros fluem mais fácil e rápido, outros precisam de uma atenção maior assim demandam um pouco mais de tempo, isso sem falar que alguns livros são bem pequenos, e outros absurdamentes grandes (e não sei porque mas tenho mania de preferir esses...).
Nesta lista precisarão constar os livros do desafio literário, e os dos meus projetos de clássicos e releituras, além de terminar algumas séries que estão em aberto.
A saber:

-O mochileiro das galáxias - Douglas Adams ("Até mais, e obrigado pelos peixes" e "Praticamente inofensiva")
- Fronteiras do universo  - Phillip Pullman ("A faca sutil" e "A luneta ambar")
- Mundo de tinta - Cornelia Funke ("Sangue de tinta" e "Morte de tinta")
- A saga Otori - Lian Hearn ("A relva por travesseiro" e "O brilho da lua")
- O conquistador - Conn Iggulden ("Os osssos das colinas"e "Império da prata")

2 comentários:

  1. Eu também achei o livro de Martin Page incrível. Diferente, irônico, fantasioso, bem escrito... Os outros livros que você colocou no top 5 não conheço, quem sabe me animo a ler algum destes?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia sim, Os dias do cervo é um livro de fantasia e é incrível! Já O Bando de Pardais e O Lobo das planícies são excelentes livros de ficção histórica. O primeiro se passa no Japão feudal, e o segundo reconta a história de Gengis Khan.

      Excluir

Related Posts with Thumbnails